Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação / Secretaria Virtual / Exame de proficiência

Exame de proficiência

Para alunos ingressantes a partir de 2016.

O aluno ingressante deve fazer o exame de proficiência, obrigatoriamente, a cada semestre até a sua aprovação, sendo admitidas, no máximo, 3 tentativas.

As datas do exame de proficiência serão divulgadas oportunamente.

 

Mestrado

  • O exame de Proficiência em uma língua estrangeira (inglês, francês, italiano ou alemão)*.
  • O exame consiste na tradução (para o português) de um texto de filosofia na língua original.
  • O aluno poderá utilizar um dicionário para a realização do Exame de Proficiência.
  • A prova terá a duração máxima de quatro horas.

Caberá à CPG do PPGFil deferir ou indeferir a solicitação de dispensa, segundo os seguintes critérios:

  • Para a língua inglesa, se o candidato apresentar um dos certificados abaixo, cuja validade não poderá exceder a dois anos:
    a) Test of English as Foreign Language – TOEFL: Computer-based Test (CBT) – mínimo de 213 pontos; Paper-based Test (PBT) – mínimo de 550 pontos; Internet-based Test (IBT) – mínimo de 80 pontos; ou
    b) International English Language Testing System – IELTS: mínimo de 6,0 pontos.
  • Para a língua francesa, se o candidato apresentar certificado da Aliança Francesa (mínimo de 70 pontos), com validade de 2 anos;
  • Para língua alemã, se o candidato apresentar Goethe-Zertifikat B2 (pontuação mínima: aprovado), com validade de 2 anos.
  • Para língua italiana, se o candidato apresentar teste Lato Sensu do Instituto Italiano de Cultura (com aproveitamento igual ou superior a 50%), com validade de 2 anos.

O aluno poderá ser dispensado do exame de proficiência em língua estrangeira caso seja portador de diploma(s) ou certificado(s) oficial de proficiência em língua estrangeira reconhecido internacionalmente: TOEFL (inglês); TCF e Nancy (francês); CELI, CILS e IT-ele.IT (italiano); Goethe-Zertifikat B2 (alemão).

Doutorado

  • Exame de Proficiência em duas línguas estrangeiras (inglês, francês, italiano ou alemão)*.
  • O exame consiste na tradução (para o português) de um texto de filosofia na língua original.
  • O aluno poderá utilizar um dicionário para a realização do Exame de Proficiência.
  • A prova terá a duração de quatro horas.

Caberá à CPG do PPGFIL deferir ou indeferir a solicitação de dispensa, segundo os seguintes critérios:

  • Para a língua inglesa, se o candidato apresentar um dos certificados abaixo, cuja validade não poderá exceder a dois anos:
    a) Test of English as Foreign Language – TOEFL: Computer-based Test (CBT) – mínimo de 213 pontos; Paper-based Test (PBT) – mínimo de 550 pontos; Internet-based Test (IBT) – mínimo de 80 pontos; ou
    b) International English Language Testing System – IELTS: mínimo de 6,0 pontos.
  • Para a língua francesa, se o candidato apresentar certificado da Aliança Francesa (mínimo de 70 pontos), com validade de 2 anos;
  • Para língua alemã, se o candidato apresentar Goethe-Zertifikat B2 (pontuação mínima: aprovado), com validade de 2 anos.
  • Para língua italiana, se o candidato apresentar teste Lato Sensu do Instituto Italiano de Cultura (com aproveitamento igual ou superior a 50%), com validade de 2 anos.

O aluno de Doutorado poderá ser dispensado do exame de proficiência em uma ou em duas línguas estrangeiras se:
- apresentar documento de aprovação em exame de proficiência em uma língua estrangeira para ingresso no Mestrado, obtido em seu programa de origem;
- e, para a dispensa da segunda língua, se for portador de diploma(s) ou certificado(s) oficial de proficiência em língua estrangeira reconhecido internacionalmente: TOEFL (inglês); TCF e Nancy (francês); CELI, CILS e IT-ele.IT (italiano); Goethe-Zertifikat B2 (alemão). Neste caso, o diploma ou certificado deve ser, necessariamente, diferente do exame de proficiência para o ingresso no Mestrado.